Reviews

The Solitude of Prime Numbers by Paolo Giordano

yentevdwinkel's review against another edition

Go to review page

challenging emotional inspiring sad medium-paced

3.75

xananapereira17's review

Go to review page

challenging emotional inspiring reflective sad slow-paced
  • Plot- or character-driven? Character
  • Strong character development? Yes
  • Loveable characters? Yes
  • Diverse cast of characters? It's complicated
  • Flaws of characters a main focus? Yes

4.0

celestecorrea's review against another edition

Go to review page

4.0

«oh coz nothing is lost, it´s just frozen in frost.» - Damien Rice

Logo pelo título, «A solidão dos números primos», merece, decididamente, as quatro estrelas.
Como convivemos e nos conformamos com a solidão ao longo da nossa vida? Quando sabemos que não virá ninguém, e já não esperamos ninguém? Quando aprendemos que as escolhas que fazemos em poucos segundos se descontam no tempo que resta?

«[Os números primos] São números desconfiados e solitários e, por isso, Mattia achava-os maravilhosos....entre os números primos há alguns que são ainda mais especiais. Os matemáticos chamam-lhes primos gémeos: são partes de números primos que estão próximos um do outro, aliás, quase próximos, pois entre eles existe sempre um número par que os impede de se tocarem realmente.»

«Mattia achava que ele e Alice eram assim, dois primos gémeos, sós e perdidos, próximos mas não o suficiente para se tocarem realmente. A ela nunca lho dissera.»

staceyrvaughan's review

Go to review page

5.0

A really lovely book. The emotion in the characters feels so real that your heart aches for them. I also loved the references to mathematics.

camicarreno's review against another edition

Go to review page

4.0

Una buena historia, bien narrada. Es triste y puede ser muy deprimente. Quise leerlo después de haber terminado con un pololo y me dijeron que mejor esperara, ahora entiendo por qué.

emumick's review

Go to review page

4.0

I really enjoyed the vignette style of writing. Small chapter and small scenes, but focusing on the impact of individual events. Really effective descriptive writing from a fun third-person limited perspective that switched between different character viewpoints. Towards the end as it switched continually between these viewpoints within the same chapter, it was still easy to follow.
Fun writing style, sad compelling story.

littlething0's review against another edition

Go to review page

5.0

Merveilleux livre emprunt de la souffrance de deux personnages, éloignés mais si proches à la fois, touchants chacun à leur manière. Mattia parce que la disparition de sa soeur jumelle le rongera toute sa vie et Alice, issue du ' beau ' milieu mais souffrant de la maladie de sa mère et de sa propre anorexie.

J'ai vraiment aimé la façon dont les deux personnages se sont rapprochés ... puis éloignés, pour finalement se réunir, même si ce n'est pas forcément comme on le souhaite. Leur histoire est remplie de secrets que parfois on se demande s'il ne vaut mieux pas les garder.

Seul regret, la fin. Mais chacun l'appréciera à sa manière.

laura_03's review against another edition

Go to review page

emotional sad tense medium-paced
  • Plot- or character-driven? Character
  • Strong character development? It's complicated
  • Loveable characters? No
  • Diverse cast of characters? No
  • Flaws of characters a main focus? Yes

3.75

pinkpopprincess's review against another edition

Go to review page

3.0

This book is so facinating and weird. I´m still thinking about it.
i don´t even... haha i just don´t know.

raquelf's review against another edition

Go to review page

4.0

Se eu, primeiramente, me apaixonei pelo título do livro e pelo conceito, imediatamente, após o início da leitura pude apaixonar-me pela história. Aliás, pelas várias histórias.
Não sei o que é mais triste: vivermos vidas paralelas ou vidas perpendiculares. Se na primeira opção estamos destinados a que a nossa vida nunca se cruze com pessoas que nos podiam salvar do inferno a que muitas vezes intitulamos de vida, na segunda opção, a ideia de que nos cruzaremos com essas pessoas uma única vez e nunca mais, também, não é muito confortante.
Este livro retrata, então, a história de duas personagens que se encontram uma a outra e que na sua solidão se acompanham. É uma história triste que ensina o quão decisivas as nossas escolhas são para a nossa vida. As decisões de cada personagem e a sua atitude perante a vida condena-as a uma existência miserável, perdida no tempo.
O leitor fica perante uma amizade que se constrói à medida que lê a obra e, talvez, reconheça nas palavras do escritor semelhanças à sua realidade.

As escolhas fazem-se em poucos segundos e descontam-se no tempo que resta.